Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Aquela Runner Obcecada

Aquela Runner Obcecada

10 mitos sobre correr (na minha Perspectiva )

Buenas Tardes Peeps 

Com as férias judiciais, sobra-me algum tempinho extra para vir aqui ao blog escrever.

Hoje quis abordar um tema diferente, porque em conversa com uma colega de trabalho afirmou coisas acerca da corrida que não faziam sentido, ou seja, não corre mas baseou-se no artigo Y de médico X.

Antes de escrever, menciono que estes são alguns que conheço e ouvi falar e que outros digo que é mito por experiência própria, pode sempre ter essência de verdade para algumas pessoas . :3

 

1º Mito

As Grávidas não podem correr

A questão da gestação... Apesar de actualmente já se ver as grávidas a praticar desporto, ainda está muito enraizada a ideia de que as grávidas não podem fazer nada. É quase como se tivessem uma doença grave. No entanto, a corrida é um desporto de impacto, portanto na minha opinião é que no primeiro trimestre a mulher (se já tiver hábitos de correr) pode e deve fazê-lo, desde que devidamente autorizada pelo seu médico(a) e em intensidade e quantidades moderadas. É importante, quando se carrega uma vida, junto do médico perceber se pode ou não, pois existem casos de gravidez de risco. 

Imagem relacionada

 

2º Mito

Correr causa flacidez

Lembro-me que quando frequentava o ginásio, ouvir uma rapariga que levava muito a sério o tema da musculação e dizia que actividades como correr causavam flacidez. É inegável que a prática de corrida causa perda de massa magra, no entanto eu pelo menos não senti isso. Quando comecei a correr (estava mais gordinha) pesava uns 58 kg, perdi imenso peso, porém não fiquei nada flácida. Pelo contrário. Ganhei perna e tonifiquei bastante. Depende um pouco. Correr provoca sim catabolismo, por isso é importante fazer treinos de corrida variados (incorporar as séries, rampas, fazer técnica de corrida e exercícios complementares sem peso), consumir proteína suficiente e beber muita água. Por isso, eu falo por experiência própria que faço km e km e não sofri com isso da flacidez, pelo menos a nível das perninhas. 

Resultado de imagem para corpo flácido

3º Mito

 

Quanto mais correr, e mais rápido, melhor será a minha performance

Este é sem dúvida para mim um dos maiores. Mais uma vez falo por experiência própria. Tenho o exemplo prático. No ano passado (2018) corria menos e a minha performance estava melhor do que neste corrente ano (já falei nisso em posts anteriores). No fim do ano de 2018 lesionei-me, e quando regressei às corridas meti mais km, mais velocidade e o resultado disso, foi que cheguei às provas com um nível indesejado de performance, ou seja, cheguei cansada, esgotadinha. É importante sim ter volume consoante as provas que pretendemos preparar, e ter treinos de velocidade. O que me apercebi, foi que abusei disso e a minha performance caiu porque exagerei na carga e na velocidade que colocava nos treinos. Não importa a quantidade, mas sim a qualidade. Por isso é importante ter um plano estruturado (corridas regenerativas, treinos de séries, treinos intervalados, treinos longos...).

Imagem relacionada

4º Mito

Pessoas de idade  não podem correr

Este é ridículo. Já ouvi médicos a dizer que os "velhinhos" não podem correr por causa das articulações. Vejo tantas pessoas séniores a fazer um jogging no seu passinho, outros mais audazes a correr bem melhor que muita gente novinha. Tenho que dar aqui o exemplo infra, o Senhor Arménio que é um atleta nato. Já fez atletismo no passado, mas continua muito activo e a fazer grandes provas. Recentemente fez a sua primeira Maratona ( a Maratona da Europa). É a prova viva de que a corrida na sua vida só lhe trouxe benefícios . Sou fã dele. É certo  que um corpo de 20 anos não é igual a um de 50 anos, mas como tudo na vida, há que adaptar e individualizar o treino de acordo sempre com a faixa etária, estilo de vida, entre outros factores.

A imagem pode conter: Arménio Neves e Miriam Martins, pessoas a sorrir, pessoas em pé, céu e ar livre

A imagem pode conter: Arménio Neves, a sorrir, em pé, sapatos e ar livre

5º Mito

Correr com muita roupa ajuda a emagrecer

Lembrei-me deste mito, ou melhor dizendo, lembrei-me de um senhor no ano passado que passou por mim a correr (em pleno Verão) , estava eu na minha semana de paragem, a caminhar e a falecer de calor (ia eu de t-shirt e calção), e, eis que passa por mim um rapaz/senhor, a correr em (visível sofrimento) com uma camisola polar, com um corta vento, leggings compridas e uns calções. Questiono-me se eventualmente não traria uma cinta por debaixo daquela roupa toda... Há pessoas que acreditam que correr (ou outro desporto), com roupas que aumentem a transpiração, emagrecem. Sim emagrecem de facto. Se se pesarem antes de ir correr e no final, irão ter uma grande diferença. A questão é que essa diferença de peso é só líquidos. Ao reporem os líquidos perdidos "ganham" peso outra vez. Correr vestido não faz perder massa gorda - mas uma dieta equilibrada aliada ao desporto, desde que haja défice calórico (gastas mais do que ingeres =perda de peso), é que fará a pessoa efectivamente perder peso.

Resultado de imagem para meme agasalhado

6º Mito

Correr no Inverno, com chuva e frio vai-nos fazer ficar doentes

Este é daqueles que me dá vontade de dar um tiro às pessoas que dizem que sou louca quando vou treinar com tempestade lá fora.

"Vais ficar doente!" ";"És doida, vais apanhar um resfriado que nem te conto." 

Normalmente quem diz isto são pessoas mais ou menos sedentárias e que não correm de todo. Falo por experiência. Mais facilmente fico com gripes no Verão do que no Inverno. Eventualmente o que me põe "doente", é, se após um treino à chuva eu ficar com a roupa molhada no corpo muito tempo... Noto que treinar em diversos ambientes, me tornou mais imune às gripes. Por isso, se a tua desculpa para não ir correr é : Está frio e a chover, arranja uma melhor. Se assim fosse, ninguém treinava no Inverno. 

Resultado de imagem para meme doente

7º Mito

Quem corre, deve comer muitas bananas a fim de evitar cãibras

Bananinha. Nhami que bom (só que não). Eu não gosto muito, sou muito básica nas frutas e banana só consigo comer  se lhe colocar 1 kg de canela, mas como pelos seus benefícios, nomeadamente por ser uma boa fonte de energia. Quando se fala da alimentação de um atleta, a banana está sempre presente, mas é um mito quando se diz que se não a comermos vamos ter défice de potássio e consequentemente cãibras. As cãibras não surgem porque não comemos bananas (ricas em potássio). Aliás não é devido à falta do potássio, mas sim por falta de sódio e líquidos. E porquê sódio ? É um mineral que um papel primordial nos impulsos nervosos e na contração muscular, logo na falta deste, uma pequena tensão num músculo, pode levá-lo a contrair (a chamada cãibra). Por isso nunca tirem o sal da alimentação, o sal não é o vilão, mas a quantidade ingerida e quem corre deve ter sal na alimentação porque perde muito sódio.

Imagem relacionada

8º Mito

Devemos comer muitos hidratos de carbono antes de correr

Não necessariamente. Por norma antes de correr nem devemos empaturrar-nos. Há pessoas quando vão fazer a maratona (pela primeira vez) comem quantidades industriais de comida ao pequeno almoço, digo maratona mas falo nas provas ou corridas no geral, e na maioria dos casos, essas pessoas têm uma dor de burro. É essencial ter energia antes de treinar, especialmente se o treino for superior a duas horas, mas não é preciso comer uma quantidade absurda de corrida. Até porque é preciso algum tempo para se digerir a comida. Uma peça de fruta (a tal banana), é ideal, é prática e de fácil absorção e digestão, juntando uma fonte proteica (ovos) e estão prontos. Mas isso vai do conhecimento de cada um. Comer muito, em quantidade não vai ajudar, pode até prejudicar o treino. Após o treino sim, aí justifica-se comer um pouco mais. Mas antes só vamos ter dor de barriga.

Imagem relacionada

9º Mito 

Correr faz mal aos ossos, aos joelhos e às articulações no geral

Depende!!! Se eu correr com umas sapatilhas que não são adequadas ao meu tipo de passada, não tiver um treino devidamente estruturado e consistente, correr sempre no mesmo piso e tiver uma técnica de corrida péssima, aí sim vou estar mais vulnerável às lesões. No entanto, não é o correr que faz mal às nossas articulações. A corrida tem sim impacto nas articulações, mas fica mais gravoso se a pessoa tiver excesso de peso e não tiver orientação certa de como correr. Por isso, não é um mito absoluto, na minha opinião, e relativamente aos ossos, a prática desportiva ajuda a aumentar  a densidade óssea, desde que o façamos em conta, peso e medida.

Resultado de imagem para esqueleto

 

10º Mito

Deve-se alongar antes de correr

Não necessariamente. Ouve-se muito dizer que para evitar uma eventual lesão DEVE-SE alongar antes de correr mas não é verdade. Para evitar lesões, o ideal é fazer um aquecimento antes do treino principal (e aí sim alongamentos dinâmicos podem fazer sentido) e depois no final alongar bem. Alongar com o corpo a frio pode ser prejudicial e não benéfico.

 

Resultado de imagem para boneco a alongar

 

E pronto, foi isto e para vocês que correm , que mitos conhecem ou acham que são mitos e não verdades ?

 

Sintam-se livres de partilhar

 

Até à próxima

 

******

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D