Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Aquela Runner Obcecada

Aquela Runner Obcecada

Coisas que acontecem quando desmotivam e param de se preocupar

Bom dia maltinha

 

 

rosa.jpg

 

 

Ando mega desaparecida, mas por boas razões e por más também como tudo. Mudanças, procura de trabalho, treinos. Ás vezes não há energia suficiente para pensar já à noite que é quando tenho tenho para escrever. Se for para escrever, que seja algo em condições e não meras palavras, pois não foi para isso que criei o blogue. Tentarei ser mais activa claro e potencialmente irei continuar a tentar acabar o livro que comecei há uns anos sobre o problema que tive . (sim eu comecei um livro e sim já tem capítulos)

 

Hoje decidi abrandar a procura de trabalho, pois espero uma potencial entrevista de um doutor, e vou fazer figas para ter sorte, pois ultimamente ela desapareceu. Mas há que ser positivos. 

 

Hoje venho falar sobre uma coisa que acontece a toda a gente. 

 

Estilo de vida reúne as seguintes condições para mim:

-comer bem, comida saudável sem grandes restrições e sem fundamentalismos;

-fazer deporto;

-dormir bem;

-ter um bom ambiente de trabalho:

-ter vida além do estigma SER SAUDÁVEL;

-ser feliz;

-ter amor-próprio;

-energia...

etc...

 

No entanto, mesmo apesar de nós gostarmos de praticar desporto, há sempre uma altura em que começamos a ficar cansados e desmotivados. Antes que isso vos aconteça, digo o que acontece, quando decidem desistir um pouco de se preocuparem e deixarem-se ir pelo ritmo frenético da vida do comum mortal:

 

1) Os níveis de açúcar no sangue disparam

Existem estudos, que explicam que quando a pessoa acaba de comer, o nível de açúcar no sangue aumenta e isso acontece com o objectivo de se armazenar glicogénio nos músculos para ser usado como fonte de energia. Se a pessoa optar por ser sedentária, imaginemos, estão 5 dias só a comer de papo para o ar, não gastam o glicogénio, claro que a taxa de glicose começa a aumentar e o risco de terem problemas cardíacos e ficarem mais propensos a ter diabetes. Por isso, mesmo que a preguiça vos ataque, façam uma caminhada de 30 minutos para manter o corpo em movimento, mais vale pouco movimento que nenhum.

2). Cansar-se com muita facilidade

Um exemplo prático. Quantos de vocês têm férias ou vão de férias, após retornar ao trabalho sentem-se mais cansados. O ideal das férias é o descanso, óbvio, mas quando voltamos a trabalhar, até voltar ao ritmo demora. O mesmo se passa se não fizerem desporto. Isto acontece porque o VO2 max. diminui em 20 %. E o que é esta sigla, esperem que digo já. É o volume máximo de oxigénio, isto é, o máximo de oxigénio que o corpo consegue metabolizar para realizar uma actividade, basicamente, por miúdos, é um avaliador da nossa capacidade aeróbica. Se ela quebra, isso reflecte-se na nossa  energia, ficamos mais cansados. Outra coisa que acontece quando paramos de praticar desporto, é que as mitocôndrias perdem-se, e elas mais não são, substâncias que permitem que o oxigénio se converta em energia para os músculos (por isso é que oxigénio vem acima da hidratação). Para evitar isto, se precisarem de um tempo para parar o desporto, pensem que depois quando voltarem vai ser mais difícil recuperar este processo, demoram mais tempo a recuperar as mitocôndrias, basicamente param mais de 5 dias é logo caminho andado para subir um lance de escadas e chegar com a língua de fora.

 

3)Desvaneios/Compulsões alimentares.

Chega a uma altura em que começam a cansar-se de comer só brócolos, arroz branco, batata doce, frango... Comem guloseimas, preferem não perder tempo a fazer papas de aveias e pegam no chocapic e vai mais rápido. A verdade é que manter um padrão de alimentação limpa e cuidada não é fácil, exige dedicação, tempo e criatividade, porque sejamos sinceros, comer todos os dias papas de aveia ao pequeno almoço pode cansar e dá trabalho, mas depende da pessoa. Há quem adore papas de aveia, mas é criativa e pode comer todos os dias e fazer de forma diferente. Ora mas há sempre um dia em que não vos apetece preparar assim um prato nutritivo e pronto, comem uma sandes ou pedem uma pizza, ou vão ao take away. Claro isto não é grave, grave é quando o fazem durante um longo período de tempo, e até continuam a fazer desporto, mas continuam a comer sem preocupações... Cansou, faço exercício e queimo tudo. Apesar de queimarem sim, a verdade é que não oferecem nutrientes adequados para a prática desportiva, um panik de chocolate ou uma panqueca de aveia com chocolate com 75% de cacau sabem os dois igualmente bem, mas em termos de energia disponível, a panqueca da-vos, aliada a outros benefícios. Eu já falei sobre compulsões alimentares e é bom relembrar. Ter uma alimentação saudável, para ser prática no dia-a-dia não é fácil, mas não é impossível. Não deitem o trabalho a perder por um pacote de bolachas, não se esqueçam que podem sempre fazer cheat meal, ou cheat day. O ideal é : Não façam desporto para comer!

4) Irritabilidade/Depressão

Já todos conhecemos aquela sensação de bem-estar pós exercício. Certo? Claro. Quando fazemos desporto, produzimos as hormonas que nos permitem estar felizes e bem-dispostos, as belas das endorfinas. Se pararem tanto tempo, obviamente que não há a produção dessas meninas. Convém não abusar delas, mas não é preciso cortarem a vossa "droga", porque vão andar mais irritados, furiosos com o mundo, querem bater no vizinho, no cão, no gato e até falam para os móveis... Vão dar uma corrida, levantar pesos que a tristeza passa, ou então façam um burpee, tão depressa estão em baixo como em cima.

 

5) Tensão alta.

 

Em dias em que estamos mais parados, a tensão arterial tende a ser mais elevada. Já ouviram a frase "Eu tenho tensão de atleta?" Tensão de atleta é uma tensão a tender para a baixa, ou o mais normal possível. Eu posso dizer que sofro desse mal de tensão baixa, sempre tive, porque sempre fui activa. A minha tensão anda nos 10, 11 e não muito mais que isso.

Imaginemos que paramos duas semanas. Os vasos sanguíneos adaptam-se ao estilo de vida sedentário, e como consequência as artérias e as veias ficam mais endurecidas, logo, obviamente a pressão arterial atinge um nível similar ao de alguém cuja vida é sedentária. O ideal é voltar a praticar desporto, porque com isto o coração trabalha mais, logo há mais bombeamento de sangue, logo os vasos sanguíneos ficam mais flexíveis e a pressão arterial diminui.

 

6) Flacidez e aumento de gordura.

Se paramos tanto tempo, é normal que o metabolismo abrande certo. Dormir e descansar e mais nada. Nem pensar subir escadas, vai-se de elevador e quê? Atravessar a passadeira a 100 metros, cruzes que medo...Se param de estimular os músculos o que acontece, ficam mais moles... Não há estímulo começam a perder massa magra, óbvio, e o que ganham? Isso mesmo, flacidez. Perdem peso sim, mas ficam com um aspecto mole sem graça, tudo abana... Não há nada como um braço durinho, uma barriga durinha (não tem de ser definida nem super lisa, mas já vi homens e mulheres com algum peso a mais mas com uma região abdominal forte porque treinam...). Podia dar exemplos de pessoas que pararam de fazer desporto mas manteram uma alimentação saudável, porém ficaram mais leves e com aspecto de mais pesadas porque simplesmente ganharam gordura e perderam músculo. O músculo ocupa menos espaço. Eu dou um exemplo, mantenho o mesmo peso, mas as calças estão mais largas, visto praticamente um 34 de calças... Mas é músculo, porque estímulo muito as pernas. No entanto tenho os braços, não são tão trabalhados, tem um aspecto magrinho e mais flácido... Entendem? 

Há muitas consequências de se parar o desporto. Não digo todos os dias devem treinar, até porque eu treino 4 x . Mas não parem, mexam-se mesmo nas lides da casa, no trabalho. Tudo é válido. Ser sedentário é pior que alguém que fume e pratique desporto acreditem...

Fazer desporto, ser activo é algo natural da pessoa, do ser mortal comum. Os homens das cavernas não tinham TV, não tinham wi-fi,não tinham supermercados... Get it? Eram top definidos :D Claro também faziam cutting o ano inteiro ^^. O que quero dizer é, saiam do sofá, façam um bolinho, façam exercícios,passem o cão, passem o porco da índia, brinquem com os filhos... Ser sedentário é escolher ser infeliz, é escolher morrer numa cama de hospital, é preferir andar a comprar mil medicamentos, é escolher ficar num lar a apodrecer, é escolher andarem furiosos com a vida, desanimados, infelizes, sem amor próprio... 

Querem viver bem e com qualidade? Façam desporto e comam bem, isto é ser feliz e ser saudável, porque ser fitness não é ser todo definido, é ter a escolha de respeitar o corpo e a vocês mesmo, é dar qualidade de vida à mente e aos que vos rodeiam.

gru.jpg

Beijinhoss ****

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D